Nosso Lar / 04.10.2010

Assisti o filme Nosso Lar!
Reforçou muitas das minhas convicções,
descobri algo sobre o qual nunca poderia imaginar,
sobre o Suicídio inconsciente...
De fato, estamos aqui só de passagem,
e cabe a cada um; cumprir sua missão,
não esquecendo jamais que temos
o livre arbítrio, que colheremos
sem dúvidas, tudo aquilo que 
plantamos, que tudo nos é concedido 
por nosso próprio mérito,
que tudo é tão surpreendedor,
que não tem fim...
e que ficamos mais em alerta,
pois à Deus não se engana!
Me deixou apenas lembranças salutares!

Será que temos que nos preparar
para a nossa morte?




12 comentários:

Rosana Corrêa disse...

Merlaine,

Ainda não vi o filme, nem li o livro, como já te disse, por esta razão aguardava ansiosa pelo seu comentário. Achei interessantíssimo o mesmo, o que aumentou a minha expectativa em vê-lo.

A cada dia vivido, penso que o mais importante é o que Deus sabe de nós, afinal, para ele não há segredos; Ele sabe de todas as VERDADES. A opinião dos nossos semelhantes a nosso respeito é secundária, mediante da, do PAI, pois não é ela que ajudará a nos conduzir para um plano maior.

Que a vida seja uma PASSAGEM; um estágio onde possamos tentar sermos bons companheiros de viagem para nossos semelhantes.

Um grande abraço,
Rosana

Sempre em mente: DEUS É TODO
Um grande abraço,

João Lemes e Larissa Fortunato disse...

Oi Merlaine!!!
Adoramos o seu espaço e sempre que der daremos um pulinho aqui para ver as novidades!
E estamos loucos para ver o filme Nosso Lar, minha mãe leu o livro e disse que é muito lindo, assim que der vamos assistir com certeza.
Abraços

Mister Neurotic disse...

Eu vi Nosso Lar hoje. Faltam algumas páginas para que eu conclua o livro. O que posso dizer é que existem muitas semelhanças entre o plano espiritual e o terreno. Aprendi que TUDO o que fazemos pode ser aproveitado de alguma forma, se tirarmos o egoísmo, materialismo, maldade e outras chagas de nossas almas. Chorei! Nossa, como chorei lendo o livro e vendo o filme. Mais do que nos prepararmos para a morte, temos que aproveitar a vida.

Anônimo disse...

Lindaa,

Assisti esse filme achei lindoo.
E qdo vc diz "Deus não se engana" é mais que certo.
Lindo texto...
BjOos Kelliane

IdéiaSubstancial disse...

Oi querida nossa ainda não assisti esse filme, adorei quando vc disse "Deus não se engana" é a mais pura verdade!!! Se quiser me fazer uma visitinha vou adorar!! Bjãooooooo

adclac disse...

Minha querida,um assunto pra la de interessante. A morte faz parte da vida, sendo que pra mim e apenas mudanca de estagio. Acredito que temos muito mais coisas para aprender, para descobrir.Gostei de teu modo inteligente de observar.Minha resposta a tua pergunta e que devemos, sim, nos preperar. Como? Cada um seguindo sua consciencia e buscando suas respostas naquilo que se acredita, e aproveitar a vida considerando que existe amanha, seja la onde for. Beijos grande!

Otilia disse...

Ao nos desapegarmos deixamos de viver a ansiedade da separação e assim nos abrimos para a conexão maior, a do entendimento que somos todos ligados uns aos outros, somos UM SÓ através do AMOR!
A doutrina da reencarnação faz com que possamos exercitar a fraternidade, estender nossas afeições além dos laços do sangue, nos laços imperecíveis do Espírito.

meus instantes e momentos disse...

parabens pelo post, e pelo blog.
Gostei daqui.
Maurizio

Merlaine Garcês disse...

Muito obrigada Otilia, por suas belas palavras!
Volte sempre!

Delano Alexandria disse...

Olá, muito bom o seu blog, parabéns!

Aquele abraço!

Mayara Carvalho disse...

Muito boa a postagem, falou tudo, e eu creio sim que precisamos nos preparar pra nossa morte, e estarmos cientes de que o que vier depois dela foi tudo obra da gente!
Um beijo!

Merlaine Garcês disse...

Obrigada Mayara!

Postar um comentário

Conto com comentários sensatos e inteligentes!
Desde já,
Obrigada!

 

Seja Essência e Não Aparência | Creative Commons Attribution- Noncommercial License | Dandy Dandilion Designed by Simply Fabulous Blogger Templates